Cartões de Crédito

Como usar o cartão de credito como uma ferramenta para ganhar dinheiro

Ilustração de uma mão segurando dois cartões de crédito, com moedas saindo deles
Redação Tecnograna

O cartão de crédito muitas vezes é colocado como o vilão das suas finanças. Mas na verdade, se isso acontece, a culpa não é dele e sim sua, que não é capaz de se controlar para dominá-lo e usá-lo como uma ferramenta amiga.

Quem não tem disciplina financeira acaba se perdendo nas contas e usando o cartão como se fosse uma varinha mágica capaz de materializar na sua frente tudo o que deseja. Mas ele, obviamente, não funciona assim e geralmente não demora muito para a conta chegar. E se você não conseguir pagar a fatura em dia, verá uma cruel bola de neve crescer rapidamente, ficando cada vez mais difícil de controlar.

boladeneve Como usar o cartão de credito como uma ferramenta para ganhar dinheiro

Por isso, é muito importante você aprender como usá-lo da melhor maneira, para que ele ajude você a organizar a sua vida financeira e até mesmo fazer você economizar. Acha que não?

Então confira algumas de nossas dicas.


1. Aprenda a usar o cartão da maneira certa

Nenhuma das outras dicas irá funcionar se você não souber usar direito o seu cartão de crédito. Se a fatura no mês seguinte tomar conta de todo o seu salário, é sinal que você está fazendo tudo errado. Quando o seu orçamento mensal já está previamente comprometido com contas passadas, você não consegue fazer mais nada e ainda aumenta a probabilidade de criar ainda mais dívidas para tentar compensar o salário que não tem mais.

Se este for o seu caso, pare tudo! Dê um tempo no cartão de crédito, guarde-o em uma gaveta e tente pagar tudo à vista, com dinheiro que tem no bolso.

Poxa, mas eu não tenho dinheiro no bolso“… Então não gaste!

Fazendo isso, depois de alguns meses suas finanças voltarão a ficar equilibradas e aí você já pode pensar em usá-lo de novo, de forma mais inteligente.


2. Reduza o número de cartões

Quanto mais cartões você tiver, mais chances de perder o controle das suas finanças. Por isso, a dica de ouro é ficar com apenas um cartão, ou no máximo dois, caso os limites sejam pequenos demais. O que sobrar, cancele.

Fique apenas com aquele que lhe oferece mais benefícios. Anuidade reduzida, desconto em lugares específicos, programa de pontos. Avalie bem tudo para tomar a decisão certa.


3. Pague SEMPRE o total da fatura em dia

Não, o banco não é seu amigo. Ele tem uma relação profissional com você e como o negócio dele é ganhar dinheiro, se você permitir, ele irá tirar tudo o que puder de você. E é assim mesmo, nada de anormal. Mas você precisa se cuidar para não deixá-lo tirar este dinheiro de você.

Toda a fatura de cartão de crédito possui um valor mínimo de pagamento, que equivale a 15% do total. É tipo o banco dizendo “Não se preocupe se deu tudo errado na sua vida e não sobrou dinheiro, eu posso emprestar 85% do valor para você me devolver aos poucos, se quiser“.

O grande problema é que estes juros são um dos mais altos do mercado mundial. Equivale a você ir em um restaurante sozinho e no final pagar o almoço de três pessoas, comendo um prato só.

Então são seja bobo de aceitar pagar o mínimo do pagamento da fatura, porque os juros irão lhe enforcar nos meses seguintes. Pague sempre tudo. Se você não tiver dinheiro para isso, peça emprestado em outro lugar, com juros mais baixos. E aí volte para a primeira dica deste artigo.

Também não atrase de jeito nenhum o pagamento da fatura. Além dos juros altos, tem multa de 2%.


4. Fuja de cartões com taxas e anuidade

Hoje em dia, só paga anuidade quem quer, pois boas opções no mercado é o que não falta. E não se iluda: a anuidade que você paga serve única e exclusivamente para ir para os cofres de uma instituição que é muito mais rica que você. É um Robin Hood às avessas, saindo do bolso do mais pobre para o do mais rico.

Confira aqui uma lista de cartões excelentes, em que você não paga nada para usá-los.


5. Concentre no cartão todas as suas contas do mês

Se você usar o cartão de forma controlada e inteligente, pode obter muitas vantagens dele.

Por exemplo, se você já tem na mão um dinheiro para pagar à vista um boleto ou um produto, pode muito bem pagar esta a conta com cartão e deixar este dinheiro rendendo até o pagamento da fatura. É provável que isso lhe renda apenas alguns centavinhos a mais, mas se seu cartão tiver programa de pontos, você acumula para posteriormente trocar por produtos, passagens aéreas ou até mesmo dinheiro vivo.

Usar bastante o cartão também contribui para a instituição financeira perceber que você é um bom pagador e assim aumentar o seu limite do cartão. Se você seguir a regra de ter o dinheiro na mão, mas deixar rendendo-o até o vencimento da fatura, pode começar a pagar mais e mais contas pelo cartão, acumulando ainda mais pontos.

Mas lembre-se sempre das dicas 1 e 3: você PRECISA ter dinheiro para pagar o total da fatura no dia do vencimento. Nunca se perca nas contas.


6. Controle a sua fatura em tempo real

Nunca deixe para saber o quanto virá na fatura somente no momento que ela fechar. Você PRECISA controlar tudo em tempo real, para saber se não está passando da conta no cartão. Se você perceber que o total está começando a ficar acima do seu orçamento mensal, segure-se até o final daquele ciclo.

Só assim você evita surpresas e conseguirá fazer o que dissemos na dica 1.


7. Peça cartões adicionais para familiares

Se os membros de sua família também usam cartão, tente concentrá-los todos como adicionais do seu, assim o acúmulo de pontos será ainda maior.

Claro que isso tem seus inconvenientes. Todos deverão ser disciplinados para não comprometerem a fatura mensal. Outro fator é que os gastos de todos serão conhecidos do titular. Se isso não for problema, a transparência nos gastos pode até ajudar a criar uma situação financeira familiar bem mais saudável e consciente.



Como você pode ver, é possível usar o seu cartão de crédito para fazer sua grana render e também acumular vantagens que podem ser trocadas por dinheiro. Então acabe com seus preconceitos, aplique-se para usá-lo com sabedoria e transforme-o em seu aliado para uma vida financeira melhor.

Sobre o autor

Redação Tecnograna

Redação Tecnograna

Trabalhamos diariamente para trazer a melhor informação para ajudar você a ter vantagens financeiras com aplicativos e ferramentas digitais.

Deixe um comentário