Notícias

Passfolio é mais uma opção de cartão em dólar, com spread menor que os concorrentes

Redação Tecnograna

Falamos muito aqui sobre contas em dólares para brasileiros e as vantagens que elas oferecem em compras internacionais.

Se economiza bastante se compararmos com o IOF cobrado pelos cartões brasileiros, além do spread alto dos grandes bancos.

A partir de novembro, a corretora americana Passfolio passará a oferecer um cartão de débito para clientes brasileiros, com custo de spread de apenas 1,45% na taxa de câmbio.


Já explicamos aqui o que é spread: é a comissão que o cartão ou banco cobra no momento da conversão, em relação ao valor do dólar comercial.

As opções mais conhecidas, como as contas internacionais do C6 Bank e do BS2, cobram 2% no momento que se converte reais em dólar (e vice versa).

No caso do Passfolio, eles cobram apenas 1,45%, que é a menor taxa entre as opções que temos.

unnamed Passfolio é mais uma opção de cartão em dólar, com spread menor que os concorrentes

A Passfolio é uma corretora americana, que começou a operar no Brasil no final de 2020. Eles são registrados na SEC e na FINRA, o que protege o saldo dos clientes em até US$500.000.

O cartão da Passfolio ficará disponível nas versões física e digital e com bandeira Mastercard. Será aceito em todos os países que também aceitam a bandeira e tem taxas de 0,38% para depósitos em reais na conta e de 1,45% de taxa de câmbio. Os clientes da fintech residentes no Brasil ou cidadãos brasileiros e americanos poderão solicitar o novo cartão a partir de 1º de novembro.

A conta bancária e o cartão de débito dos EUA proporcionam liberdade financeira aos brasileiros, dando-lhes a oportunidade de enviar e receber dólares, comprar no exterior e on-line em suas lojas favoritas de forma prática rápida”, afirma David Gobaud, fundador da Passfolio.

Via Valor Investe

Sobre o autor

Redação Tecnograna

Redação Tecnograna

Trabalhamos diariamente para trazer a melhor informação para ajudar você a ter vantagens financeiras com aplicativos e ferramentas digitais.

Deixe um comentário