Notícias

PIX: assim se chamará o sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central

Redação Tecnograna

O ano de 2020 deve ser marcado por uma revolução no sistema de pagamentos brasileiro, com valores sendo transferidos instantaneamente de uma conta bancária para outra, não importando a hora do dia. E este sistema terá um nome: PIX. A informação foi revelada pelo presidente do Banco Central, Roberto Campos, em entrevista à Globonews.


Leia também:
➡️ Pagamentos instantâneos: entenda agora o que são e como funcionarão

O PIX não será um produto ou um aplicativo do Banco Central, mas sim um sistema de pagamentos, que terá nome, marca e identidade visual. É por ele que as instituições bancárias se conectarão para realizar as transferências de valores, em tempo real.

Em vez de número de banco, agência, conta e CPF, o usuário só precisará de uma única informação para iniciar uma transferência. Essa informação pode ser o número do celular, por exemplo, ou então um QR code universal, aceito por todas as instituições e que identificará o recebedor.

O PIX vem substituir o atual SPB (Sistema de Pagamentos Brasileiro) do Banco Central, que realiza movimentações financeiras entre instituições diferentes, mas que é limitado ao horário bancário. Final de semana e feriados, não funciona. É ele que faz com que um boleto demore mais de um dia para ser confirmado, ou uma transferência DOC ser concretizada apenas no final do dia útil seguinte.

Já com o PIX, o objetivo do Banco Central é que as transferências entre instituições e pessoas não demore mais que 12 segundos, o que deve revolucionar a forma como o brasileiro faz pagamentos.

Via: Valor Investe

Quer ficar atualizado com a melhor informação sobre finanças digitais? Então siga o Tecnograna também no Twitter e no Facebook.

Sobre o autor

Redação Tecnograna

Redação Tecnograna

Trabalhamos diariamente para trazer a melhor informação para ajudar você a ter vantagens financeiras com aplicativos e ferramentas digitais.

Deixe um comentário